Resenha: 101 dias com ele - Paula Oliveira



" Depois de dois cappuccinos, um sorriso sedutor e um acordo inusitado, a história irresistível de Alan e Daniela começa.
O primeiro encontro não foi dos melhores, nem o segundo na verdade. Mas, depois de muitas promessas e uma data final estipulada, Daniela resolve ajudá-lo e entra em um acordo maluco.
Alan é extrovertido, bonito e protetor. O que ele mais quer, é ter o orgulho do pai.
Mas, no meio do acordo, ele acaba percebendo que tem outra coisa que ele quer ainda mais.
Daniela é aquele tipo de garota que joga videogame e assiste a filmes românticos. Seu grande sonho é conseguir publicar os textos que escreve.
Com o passar dos dias, o que era apenas um acordo com dias contados, torna-se o início de uma amizade abrasadora.
Você teria coragem de abandonar um objetivo que sempre acreditou, por algo totalmente novo e inesperado?
E se esse inesperado fizesse seu coração bater mais forte?
Eles terão cento e um dias, mas o final, nem sempre precisa ser o fim. "






101 dias com ele é o melhor romance que eu já li.
Se você não gosta daquele romance água com açúcar, só focado no romance romântico, 101 é o melhor livro para você.
Eu sempre fui do tipo que tinha um preconceito sobre livros romance. Eu nunca consegui ler um livro do Nicholas Sparks, acho que nem nunca chegava na metade. Juro que já trentei ler alguns outros romances, mas não consigo.

Então eu comecei a ler o 101 e me apaixonei. Eu já conheço a Paula há algum tempo, sei como é o romance das histórias dela e mesmo assim eu fiquei surpresa pela leveza deste livro.

Daniela e Alan se conhecem de jeito inusitado. Alan sem querer esbarra na  moça e o cappuccino que ela segurava caí todo em sua blusa. Uma vez é sem querer. E se fosse duas vezes seguidas e no mesmo dia, em menos de quinze minutos? Haha Sim, Alan fez essa proesa.
Depois de tudo isso Daniela teria toda a razão ao ficar com raiva dele, mas era impossível. Ele era o vizinho do apartamento da frente e logo eles se tornaram bons amigos.   

Uma das coisas que eu mais gostei nesse livro, foi a comédia. Não é algo exagerado e nem ao menos simples. É algo que foi feito na medida, criado para se encaixar perfeitamente com a cena e com os personagens.

Se estamos falando de comédia, não podemos esquecer a tia Monique. Monique é a melhor amiga de Daniela, e ela é completamente doida e adorável. Eu gostei muito da Monique, ela é divertida e meio impulsiva e tarada, mas é uma pessoa maravilhosa. 
Sabe aquela sua amiga, que quando seu crush passa ela faz questão de provocar você? Então, é basicamente a Monique na vida.

Tenho que admitir, essa história não teria sido tão boa se não tivéssemos os conselhos da Monique. Sim,ela é ótima conselheira. Se ela não tivesse pegado no pé quando percebeu que tinha algo a mais entre a Daniela e o Alan, esses dois teriam demorado para assumir o romance. Agradeçam a tia Monique por tudo!

Alan sempre quis que seu pai tivesse orgulho dele. E foi disso que surgiu uma proposta bem inusitada. Um dia, o pai de Alan os viu juntos e deduziu que Daniela e o seu filho namoravam e disse coisas bonitinhas ao filho, mostrando o quanto estava orgulho dele. Alan não queria que ele perdesse esse orgulho depois que soubesse que ele e Daniela não namoravam. Assim, Alan prôpos para Daniela que fingissem serem namorados por um período de tempo. 101 dias para ser mais exata.

A partir dessa proposta a história vai se desenrolando, novos sentimentos surgem em cada um, um futuro romance também.

101 é quase uma caixinha de surpresas. Eu realmente fiquei doida enquanto lia, pois a cada capítulo tinha alguma coisa acontecendo e eu parava e ficava "quê?" haha por que olha, tem muita coisa mesmo. E isso de ter sempre algo acontecendo é bom; acontece muita coisa sim, mas não é nada acelerado. É tudo em uma sincronia perfeita com a história.

Eu não ia falar absolutamente nada sobre o Jonas, mas eu tenho que dizer. Ele era o ex-namorado da Daniela e ele aparece para estragar o romance dela. E eu fico muita brava quando aparece alguém para estragar o meu casal preferido.
Eu quis brigar com o Jonas desde quando ele apareceu e quis bater nele no final, quando vocês lerem irão entender minha raiva por este homem.
Mas ele foi muito bem criado. Ele é o cafajeste perfeito.

Paula Oliveira sempre me impressiona com leveza com que escreve seus romances. Uma clássica comédia romântica, na qual ela faz tudo ser mais encantador, apaixonante e divertido! Só ela é capaz de fazer eu ler um romance com tamanha empolgação!

101 dias com ele no wattpad: LEIA 
101 dias com ele no Skoob: Adicione na sua estante 

Comentários

  1. Oh meu Deus! Que resenha mais linda! Fiquei emocionada! Muuuuuito obrigada, Nath! Estou apaixonada por sua opinião <3

    ResponderExcluir

Postar um comentário